Dom Quixote da era Digital

 

 

Tantas revoluções, batalhas a travar

A cada clique, eis-me aqui herói

Dedos dormentes, bravo cavaleiro

salvar o mundo assim

sem sair deste sofá…

 

eis-me aqui a postar bravamente a curtir

de joinha em joinha a conta gostas

compartilho do meu dia cada passo,

meu bom dia, meu mau dia,

meu ser e meu devir…

 

meu status, sinceros anseios

medos, frases, completamente,

platônico; domando tristes sombras

como quem doma cavalos alados…

 

cliques engajados, bom filho, ecologista

Bom vizinho, religioso, bom marido

Engraçado, autoestima lá em cima,

meu sapato, o versículo, o vernáculo,

Eis a difícil tarefa de viver off line…

Claudio Bertode

Formado em Letras pela Universidade de Brasília, Cláudio Bertode é Poeta, Cronista e Educador na Rede Pública e Privada do Estado de Goiás.